sábado, 28 de maio de 2011

Lançamento do Ipad 2 com celebridades presentes


A Apple iniciou à 0h desta sexta as vendas do iPad 2 no Brasil, num evento com direito a performance de DJs, aplausos e espumante em um espaço dedicado à empresa no Shopping Iguatemi, zona oeste de São Paulo.
O estudante universitário Pedro Wilson, 20, foi o primeiro a comprar o aparelho, um iPad de 32 GB Wi-Fi.
Morador de Santos, saiu da faculdade às 12h, seguiu para a capital e chegou ao shopping às 15h.
"Valeu muito a espera, não comprei o iPad 1 já esperando que esse seria melhor", disse.
Depois de comprar o tablet, o estudante foi saudado com espumante, antes de encarar o retorno para a Baixada Santista.
O segundo da fila foi o bancário André Rodrigues, 26, que se diz "reincidente de iPad".
No ano passado, foi o primeiro da fila a comprar o iPad 1, também no Iguatemi.
"Já me desfiz dele e quero novo porque o produto foi todo retrabalhado", disse.
Pouco antes da meia-noite, mais de cem pessoas formavam fila para comprar o aparelho, que chega ao varejo nesta sexta.
O shopping Iguatemi foi o único local físico a vender o iPad 2 já nesta madrugada.
Entre as estrelas da noite, estava Igor Cavalera, ex-integrante da banda Sepultura, numa performance como DJ tocando música eletrônica a partir do iPad 2.
O casal de humoristas Marcelo Adnet e Dani Calabresa e o vocalista da banda Capital Inicial, Dinho Ouro Preto, também marcaram presença no lançamento. Já a apresentadora Luciana Gimenez, fanática confessa dos produtos da Apple, chegou ao local por volta da 1h15.
O iPad 2 mais barato custa R$ 1.649, no modelo de 16 GB com conexão à internet Wi-Fi. O iPad 2 mais caro, de 64 GB com conexões à internet Wi-Fi e 3G, custa R$ 2.599.
A nova versão do tablet é mais fina que a antecessora, traz duas câmeras --uma frontal e outra traseira, ideais para videoconferências-- e uma capa inteligente (opcional), que desliga o aparelho automaticamente ao ser fechada.
A partir desta sexta, o iPad 2 será vendido em lojas do Rio, de São Paulo e nas 25 revendas exclusivas da empresa no Brasil, além das operações on-line.
As primeiras unidades de iPad 2 ainda são importadas, mas a expectativa é que os aparelhos comecem a ser produzidos localmente.
Eles poderão ficar até 31% mais baratos com a desoneração tributária de PIS e Cofins publicada pelo governo no início da semana.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Google+ Badge