terça-feira, 4 de outubro de 2011

Novo iPhone 4S ganha chip e internet mais rápidos,só que não muda visual


O novo presidente Apple, Tim Cook, mostrou nesta terça-feira (4) o iPhone 4S, que chega às lojas nos Estados Unidos e em mais 7 países em 14 de outubro. Após 15 meses, o sucessor do iPhone 4 chega com o mesmo formato da versão anterior, mas com processador mais veloz de dois núcleos, câmera atualizada com 8 MP, maior velocidade de conexão à internet via rede de telefonia celular e um sistema inteligente de interação via voz. O usuário poderá, por exemplo, "perguntar" para o iPhone se "vai chover hoje", e o aparelho encontrará a informação na internet. O sistema, batizado de Siri, estará disponível inicialmente em inglês, francês e alemão.

A empresa aproveitou o evento ainda para remodelar sua linha de tocadores mp3, o iPod, que teve preços reduzidos nos Estados Unidos.
O novo iPhone 4S é duas vezes mais rápido que a versão anterior, segundo a Applex, com os gráficos sendo processados 7 vezes mais rapidamente com um novo chip gráfico. O iPhone 4S tem bateria que suporta 8 horas de conversa em 3G, 14 horas em Edge, 9 horas de conexão wi-fi e pode baixar dados duas vezes mais rapidamente do que a versão anterior. A nova bateria é capaz de reproduzir 10 horas de vídeo e 40 de música.
Além das capacidades de armazenamento de 16 e 32 GB, presentes no iPhone 4, o smartphone terá um modelo com 64 GB. Nos EUA, os aparelhos custarão US$ 200 (versão de 16 GB), US$ 300 (32 GB) e US$ 400 (64 GB). O iPhone 4 seguirá no mercado: uma versao de 8 GB será vendida a US$ 100.
Com o Siri, a tecnologia de reconhecimento de voz, o usuário pode fazer perguntas para que o iPhone aja como um "assistente inteligente". Pressionando o botão Home, o Siri é acionado. Se o usuário pergunta, em uma das três línguas compatíveis na fase de teses, "preciso levar um guarda-chuva?", o iPhone apresentará o aplicativo de tempo. "Como faço para ir até a farmácia?", e o aparelho abre o aplicativo mapa, mostrando a rota mais fácil. Quando o usuário pergunta "qual é a hora em Paris?", o iPhone abre o relógio. O despertador do aparelho é acionado quando o usuário fala "me acorde às 6 horas da manhã amanhã".
É possível enviar mensagens de texto por meio de voz. Quando o usuário recebe um torpedo, ele pode falar "leia minha mensagem" para que o iPhone leia o texto. A resposta pode ser feita da mesma forma, pedindo para responder e falando em voz alta a mensagem.
A conexão à internet pelo celular utiliza tecnologia HSDPA, uma evolução do chamado padrão 3G. O modelo atinge até 14,4 Mbps de velocidade de download, contra 7,2 Mbps do iPhone 4. O mesmo aparelho é capaz de funcionar tanto em redes de telefonia com sistema GSM, como a maioria das utilizadas no Brasil, e CDMA, tecnologia ainda em voga nos Estados Unidos.
A empresa também anunciou que fez um atualização no sistema de antenas do aparelho --após o lançamento do iPhone 4, muitos usuários tiveram problemas com o aparelho por causa disso e o caso ficou conhecido como 'Antenagate'. O iPhone 4S tem um sistema wireless que permite que ele alterne entre duas antenas para melhorar a qualidade das ligações.
Apple adicionou uma câmera de 8 megapixels no iPhone 4S, com um sensor que captura 60% mais pixels do que a versão anterior do smartphone. O novo sistema tem uma sensibilidade maior à luz, é um terço mais rápido na captura de imagens que o iPhone 4 --a primeira foto leva 1,1 segundo para ser feita, e a segunda, 0,5 segundos-- e produz imagens em resolução de 3.264 por 2.448 pixels. O sistema terá reconhecimento de face. Os vídeos serão gravados em resolução Full HD (1080p de definição), e a câmera tem estabilizador de imagem e redutor de ruído.
Lançamento
O aparelho chega no dia 14 de outubro para consumidores de 8 países: Estados Unidos, Canadá, Austrália, Reino Unido, França, Alemanha e Japão. No dia 28, ocorre o lançamento nos seguintes países: Áustria, Bélgica, República Checa, Dinamarca, Estônia, Finlândia, Hungria, Irlanda, Itália, Letônia, Liechtenstein, Lituânia, Luxemburgo, México, Holanda, Noruega, Cingapura, Eslováquia, Eslovênia, Espanha, Suécia e Suíça. Até o final do ano, serão 70 países com o iPhone 4S. A Apple não confirmou oficialmente, mas o Brasil deve estar nesta lista.
Nos Estados Unidos, o iPhone 4S estará disponível na operadora Sprint pela primeira vez. Além disso, ele será vendido pela AT&T e pela Verizon.
Estreia
A apresentação foi feita pelo novo CEO da companhia, Tim Cook, que assumiu o cargo no final de agosto após o afastamento definitivo de Steve Jobs. O ex-comandante e fundador da companhia deixou a Apple por problemas de saúde.
"Este é meu o primeiro lançamento de produto desde que assumi o cargo. Muitos de vocês não sabiam disso", brincou Cook. Ele também comentou o fato do evento ser realizado em uma sala na sede da Apple, em Cupertino, na Califórnia. “Aqui é como se fosse uma segunda casa para nós. Então, o evento aqui é como receber vocês em nossos lares”.
A sala recebeu o lançamento do primeiro iPod, em 2001, e do primeiro MacBook Air, em 2008. Normalmente, a empresa faz seus lançamentos no Yerba Buena Center, em San Francisco.
Cook deu números para mostrar a importância do iPhone no mercado de smartphones, que cresceu 74% entre 2010 e 2011. "Nosso crescimento foi maior, de 125%", disse. A Apple é dona de 5% do mercado mundial de telefones celulares. Sobre o iPhone, Cook destacou a satisfação de seus clientes. "As pessoas amam seus iPhones, 70% delas estão muito satisfeitas", disse.
Ao lado do iPhone, o iPad ajuda a impulsionar o crescimento do sistema operacional móvel da Apple, o iOS. Segundo Scott Forstall, vice-presidente responsável pelo iOS, já são 250 milhões de aparelhos no total integrando o ecossistema da Apple. "Três em cada quatro tablets vendidos nos EUA são iPads", disse.
Por ano, usuários de iPhone, iPad e iPod Touch, outro integrante da família móvel da Apple, baixam 14 bilhões de aplicativos, mais de 1 bilhão por mês. São 500 mil aplicativos criados para o ecossistema --sendo que 140 mil apenas para o iPad. O volume é responsável pela criação de uma economia de aplicativos que já gerou US$ 3 bilhões para desenvolvedores.
Músicas na nuvemJá na loja virtual de mídia da Apple, o iTunes, foram baixadas mais de 16 bilhões de músicas desde sua criação em 2003. Os tocadores digitais iPod já passaram da marca de 300 milhões de unidades vendidas.
O iTunes, agora, deve migrar para a chamada "nuvem" da internet. Pelo sistema "iTunes Match", será possível relacionar os arquivos mp3 de seu computador com as músicas disponíveis nos servidores da Apple. Caso um disco ou uma música não sejam encontrados, o usuário poderá, então, fazer o upload do arquivo para o sistema na nuvem.
O iTunes Match irá enviar músicas da biblioteca do usuário por meio de streaming em todos os aparelhos com iOS 5 ou computadores com iTunes que tiverem conectados com a conta do usuário.O sistema chega ao final de outubro nos EUA.
Também será possível ainda manter sua biblioteca de livros do iBook sincronizada com a nuvem.
Novo sistema operacionalUsuários do iPhone 4 e do 3GS também terão acesso a algumas das novidades presentes no novo celular, já que poderão fazer o upgrade para o novo sistema operacional iOS 5 a partir do dia 12 de outubro. A atualização também será compatível com os dois modelos do iPad, além do iPod touch de terceira e quarta gerações.
São 200 novas funções, segundo a empresa, com destaque para a integração com o sistema de nuvem da empresa, o iCloud, que permitirá armazenar dados como documentos, fotografias, contatos, e-mails e informações sobre aplicativos na internet, e o fim da necessidade de se ligar o aparelho a um computador para instalar atualizações do sistema. O iCloud é gratuito para usuários do iOS 5, com limite de 5 GB de armazenamento.
Scott Forstall, responsável pelo desenvolvimento do sistema, revisou as funções do iOS5, que foram originalmente apresentadas em junho de 2011. Entre as mudanças estão a centralização das notificações para incomodar menos os usuários, a integração direta dos aplicativos com o Twitter e o iMessage, um serviço de mensagens semelhante ao BlackBerry Messenger, da concorrente RIM.
O Safari, navegador utilizado no iPhone, iPad e iPod Touch, terá navegação por abas, permitindo ter vários sites abertos ao mesmo tempo e trocá-los ao tocar nas abas. Na versão atual do Safari, o usuário deve navegar por meio de janelas que são abertas para diferentes endereços da web.
O executivo também lembrou do lançamento do Newsstand, uma nova plataforma para comprar e organizar assinaturas de jornais e revistas, e mostrou a nova versão do Gamecenter, rede social que integra os jogos para iPhone e iPad, que permite adicionar fotos de amigos, ver pontos de conquistas e ler recomendações de amigos sobre os jogos.
O iOS 5 também fez mudanças no aplicativo da Câmera. Agora, o usuário tem acesso imediato à câmera a partir da tela de bloqueio e o botão de volume pode ser usado para tirar uma foto de maneira mais rápida. Além disso, uma grade serve de opção para ajudar no enquadramento das imagens.
Cartão postal e localizador de amigosForstall apresentou também um novo aplicativo para iPhone e iPad chamado Cards. Ele permite criar e enviar cartões postais --impressos, de verdade, pelos correios-- com a ajuda dos aparelhos. O download será gratuito e estará disponível no dia 12 de outubro.
O Cards permitirá ao usuário enviar cartões postais com imagens ou fotos. O usuário escolhe uma imagem, escreve um texto e pode enviar o cartão pelo correio. O custo do serviço será de US$ 3 dentro dos EUA e US$ 5 em qualquer lugar do mundo. O aplicativo permite rastrear onde está o cartão por meio de avisos no sistema de Notificações.
Eddy Cue, vice-presidente de software de internet da Apple, falou sobre o novo aplicativo da Apple, o Find My Friends, que permite que os usuários usem o sistema de localização para encontrar amigos e familiares. O programa tem a opção de compartilhar a localização apenas por um período de tempo e a de controle de pais.
Game específico para o novo hardwareUm dos carros-chefe em termos de games no novo iPhone é a sequência de "Infinity Blade". O jogo, que apresenta um dos melhores gráficos no aparelho, rendeu US$ 20 milhões para a produtora Epic Games.
A empresa afirma que estão sendo usadas técnicas do game "God of War 3", do PS3, nos gráficos do jogo, e será lançado em 1º de dezembro na App Store. Ele só rodará com os gráficos no "máximo" no iPhone 4S.
Novos iPodsPhil Schiller, vice-presidente sênior de produtos da Apple, subiu ao palco para falar sobre iPods. "Nós ainda amamos música e ainda vamos fazer iPods", afirmou, seguindo com uma apresentação do novo iPod Nano.

"As pessoas amam o Nano por causa do design e da tela", disse. Segundo ele, agora o iPod tem novas interfaces para quem quer usar o aparelho como relógio. O novo Nano vem em duas versões, de 8 GB e 16 GB, que saem por US$ 129 e US$149, respectivamente. Os aparelhos estão disponíveis nos Estados Unidos já nesta terça-feira (4).
O novo iPod Touch ganhou versão na cor branca. Ele será vendido por US$ 200, modelo com 8 GB, US$ 300 com 32 GB e US$ 400 com 64 GB.
Mac
Na abertura do evento, Cook comemorou os números de venda do novo sistema operacional para computadores Macintosh, o OS X Lion. Desde julho, foram vendidas 6 milhões de cópias do programa, de acordo com Cook. O número é 80% maior do que no Snow Leopard no mesmo período.
De acordo com Cook, a Apple tem crescido consistentemente mais que os concorrentes no mercado de computadores pessoais. Hoje, existem 58 milhões de usuários de Mac em todo o mundo, e um em cada quatro PCs vendidos atualmente é fabricado pela Apple.
O MacBook Pro e o iMac são o notebook e o desktop mais vendidos dos Estados Unidos, segundo Cook, um crescimento de 23% entre 2010 e 2011. O crescimento dos outros vendedores de PC, no período, foi de apenas 4%. “Mas ainda há 77% de pessoas que estão comprando outra coisa”, disse. “Isso significa que temos um longo caminho pela frente”.(via)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Google+ Badge